Inscrição Enem 2015

Faça a sua Inscrição para o Enem 2015. Não perca o prazo!

Baixar apostila do Enem Chegou a hora de começar a estudar pra valer! O Enem 2015 está chegando. Baixe o melhor material.

Diploma do Ensino Médio Confira o que fazer para conseguir seu diploma através do Enem. Veja.

O que cai no Enem 2015 Confira todas as matérias que caem na prova do Enem. Estude agora!

Baixar Provas Anteriores Baixe as provas anteriores do Enem para treinar e se dar bem.

Quero Entrar na faculdade! Quer entrar na faculdade? Veja como conseguir através do ENEM.

Enem Faculdades Públicas O Sisu seleciona candidatos para faculdades federais. Veja como conseguir.

Prouni O Prouni dá bolsas em milhares de universidades em todo o país. Faça sua faculdade.

Tem dúvidas sobre alguma matéria?

FAÇA A SUA PERGUNTA A RESPEITO DE QUALQUER DISCIPLINA ESCOLAR OU UNIVERSITÁRIA. ESTÁ DIFÍCIL FAZER O TRABALHO? ENTÃO PERGUNTE!

Enviar pergunta

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Aula de física: Forças Centrípeta e Centrífuga

Aprendendo fisica- Explicação sobre forças Centrípeta e Centrífuga.


De início devemosdefinir que sempre que um corpo descreve uma curva, sua velocidade vetorial varia em direção. Para que isso ocorra, pelo principio fundamental da dinâmica, as forças que atuam sobre o corpo devem criar uma aceleração centrípeta.



Sendo Fr a resultante das forças que atuam sobre o corpo, gerando uma aceleração centrípeta na mesma direção da força.



O carro da montanha russa não cai devido à força centrípeta: a resultante das forças que atuam sobre o corpo, gerando uma aceleração.

Resultante centrípeta num movimento curvilíneo: podemos observar a atuação de duas forças, uma de componente tangencial (responsável pela variação da trajetória) sempre tangente à trajetória e a outra de componente centrípeta (responsável pela variação do módulo da vel.).

Num esquema onde co-atuam força centrípeta e força tangencial, a decomposição da força resultante é dada como mostra abaixo.



Veja que Ft = Fr.cosθ, e que Fc = Fr.senθ

Quando o movimento é uniforme, Ft é igual a zero.

Força em um referencial não-inercial



Um observador dentro do carro, sobre uma aceleração em relação à estrada, quando entra em uma curva sente-se atirado para fora do carro, isso é, para fora da curva. Esta poderia ser considerada a força centrífuga, que o atira para fora da trajetória circular, porém a força centrifuga só vale para o observador em movimento junto ao carro, o que quer dizer um observador não-inercial.

A força centrífuga não é uma reação da força centrípeta.


Fonte(s) de consulta: InfoEscola

4 comentários:

Anônimo,  7 de setembro de 2009 18:00  

não esclareceu o que é a força centrípeta, deceriam ter mais exemplos.

Anônimo,  27 de janeiro de 2011 23:37  

putz muito ruimm

Anônimo,  14 de junho de 2012 18:10  

Não gostei, não explica nada direito :(

Caroine,  23 de novembro de 2012 11:05  

um pouco dificio de entender mais as poucos entenderemos.Por hoje apredi que,É a força que atua num movimento circular uniforme, representada por um vetor que aponta para o centro.

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails

Política de privacidade

! ''Templates em geral'' - Templates para Blogs, Fóruns, Sites, e +! 2009

Voltar ao TOPO